domingo, 14 de maio de 2017

Moulage de Vitrine , coisa de Estilista

Processo criativo

Moulage ou Drapping é uma técnica usada por estilistas para ajudar no desenvolvimento da criação e produção em três dimensões.Posso dizer que é uma prática apaixonante e estimulante de novas ideias, já que no desenrolar dos tecidos, o modelo vai sendo criado de forma imprevisível e ao mesmo tempo técnico. Desse modo, a roupa é idealizada diretamente no manequim, com o auxílio dos alfinetes, tesoura, fita de cetim, fita métrica, lápis e o tecido experimental.


Criado pela estilista Madeleine Vionnet, trata-se de uma forma bem avançada de modelagem,tem a função de mostrar uma prévia mais realista dos resultados em caimentos dos tecidos e possibilidades de cortes. Essa técnica é ótima para todos os estilistas e designers de moda,pode ser uma boa alternativa para os  profissionais que não dominam ou não gostam da representação em desenho de moda, mas de qualquer modo precisa ter uma certa habilidade e talento.



Desde tempos antigos que a Moulage é uma técnica bastante utilizada na costura, tendo seu auge nos anos 50s, com Estilistas como Balenciaga, Dior e Ginvency. A partir daí, a técnica foi difundida pelas casas de moda sendo valorizada até os dias atuais.





Porém,a Moulage de Vitrine, muito comum de se ver em lojas de tecidos é o tipo que realmente quero apresentar aqui.Enquanto a Moulage Profissional é uma técnica mais objetiva para construir o molde de um roupa a ser costurada, a de vitrine precisa apenas ser atraente, comercial e sugerir construções de roupas para que os clientes possam ter uma prévia do quanto se pode ter através de um belo tecido, agora a arte e a moda precisam se unir para vender suas propostas!





Por trabalhar em loja de tecidos em Natal/RN, há 5 anos, a Moulage direcionada para a vitrine é algo que já faz parte da minha rotina, aliás, adoro sair um pouco da mesa, das ilustrações para tocar, experimentar o que poderia dar certo ou não em diversos tecidos. Na maioria das vezes eu me viro com 3 metros de tecido, alguns alfinetes, podendo preferir também alguns acessórios como galões bordados, peças de guipir, aplicações, botões, fivelas etc. Veja nesse mini vídeo:



Cada Estilista tem um jeito de trabalhar a sua vitrine, uns são mais artísticos, conceituais, até extravagantes, espalhando tecidos para cima, para os lados. Já eu tenho um estilo mais clássico, por vezes, dramático, geralmente bem comercial, me esforço ao máximo para que a Moulage fique bem realista e os clientes já imaginem a peça pronta para vestir! Inclusive, alguns se confundem, acham que podem levar a roupa do jeito que está no manequim, querem saber o preço do vestido pronto...Rsrs. Quando chega nesse nível de realismo eu fico maravilhada, pois sei que atingi meu objetivo. Por outro lado, não é fácil ser perfeccionista fazendo Moulage, é preciso ter paciência , desmanchar e refazer várias vezes uma ideia também é cansativo, destrói as unhas, assanha os cabelos, mas compensa!

VEJA UMA POSTAGEM ESPECIAL COM VÁRIAS MOULAGES FEITAS POR MIM CLICANDO AQUI!

Veja abaixo algumas de minhas Moulages de rotina para a Moda Malhas, Loja de Malhas e Tecidos em Natal/RN.



Vitrine com harmonia de cores, diversos tecidos

Se você gostou desses tecidos que aparecem aqui, pode aproveitar para conhecer melhor meu trabalho junto a Moda Malhas através do Instagram da loja. Siga e entre em contato com @modamalhasnatal!

Ou, se você gosta de moda e tem interesse em trabalhar nessa área, ela é inclusa nos cursos de moda de nível técnico, como os oferecidos pelo SENAI. Mas é claro que tendo um manequim, alguns tecidos e alfinetes, qualquer criativo vai longe...

Até mais!

Juliana Rosa
Estilista//Ilustradora
Natal/RN


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para mim, não esqueça de assinar! Responderei em breve :)

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...